Palavra de Deus. Graça e luz em sua vida!

“Anunciar o Evangelho não é glória para mim; é uma obrigação que se me impõe. Ai de mim, se eu não anunciar o Evangelho!” [1Corintios 9 ,16] "Curta" a Página Deus em Minha Casa! https://www.facebook.com/DeusEmMinhaCasa

Em Jesus conhecemos o Pai

Sábado
27 de Abril de 2013

Evangelho: (Jo 14,7-14)

"Se me conhecêsseis, também certamente conheceríeis meu Pai; desde agora já o conheceis, pois o tendes visto".

Disse-lhe Filipe: "Senhor, mostra-nos o Pai e isso nos basta". Respondeu Jesus: "Há tanto tempo que estou convosco e não me conheceste, Filipe! Aquele que me viu, viu também o Pai. Como, pois, dizes: Mostra-nos o Pai... Não credes que estou no Pai, e que o Pai está em mim? As palavras que vos digo não as digo de mim mesmo; mas o Pai, que permanece em mim, é que realiza as suas próprias obras. Crede-me: estou no Pai, e o Pai em mim. Crede-o ao menos por causa destas obras.

Em verdade, em verdade vos digo: aquele que crê em mim fará também as obras que eu faço, e fará ainda maiores do que estas, porque vou para junto do Pai. E tudo o que pedirdes ao Pai em meu nome, vo-lo farei, para que o Pai seja glorificado no Filho. Qualquer coisa que me pedirdes em meu nome, vo-lo farei".

Comentário: A inquietação de Filipe é a daquele que quer possuir a meta antes de chegar a ela. Para alcançar a meta é preciso ter passado muito tempo treinando. Depois, é preciso correr, correr cada metro, aqueles nos quais está rodeado de aplausos do público e inclusive todos aqueles outros que, mais distantes, é preciso corrê-los na solidão. É preciso ser constante e tenaz. Mesmo que às vezes não se perceba a meta e as pernas fraquejem. Nós temos de viver como cristãos em uma sociedade que nos marginaliza. É tempo de fortalecer a fé e continuar correndo. Sem parar.

Oração: Senhor Jesus, em primeiro lugar eu vos peço a graça da oração: que eu nunca deixe de vos pedir ajuda. Sei que, se vos pedir, não ficarei abandonado. Mas preciso que me ajudeis muito, porque facilmente me esqueço de vos pedir socorro, confiando em mim mesmo. Fazei-me atento às necessidades de todos, cristãos ou não, para que nos ajudemos mutuamente com nossas orações. Amém.

Nenhum comentário: