Palavra de Deus. Graça e luz em sua vida!

“Anunciar o Evangelho não é glória para mim; é uma obrigação que se me impõe. Ai de mim, se eu não anunciar o Evangelho!” [1Corintios 9 ,16] "Curta" a Página Deus em Minha Casa! https://www.facebook.com/DeusEmMinhaCasa

Jesus aos doze anos no Templo

Sábado
8 de Junho de 2013

Evangelho: (Lc 2,41-51)

Seus pais iam todos os anos a Jerusalém para a festa da Páscoa. Tendo ele atingido doze anos, subiram a Jerusalém, segundo o costume da festa. Acabados os dias da festa, quando voltavam, ficou o menino Jesus em Jerusalém, sem que os seus pais o percebessem. Pensando que ele estivesse com os seus companheiros de comitiva, andaram caminho de um dia e o buscaram entre os parentes e conhecidos. Mas não o encontrando, voltaram a Jerusalém, à procura dele. Três dias depois o acharam no templo, sentado no meio dos doutores, ouvindo-os e interrogando-os. Todos os que o ouviam estavam maravilhados da sabedoria de suas respostas. Quando eles o viram, ficaram admirados. E sua mãe disse-lhe: "Meu filho, que nos fizeste?! Eis que teu pai e eu andávamos à tua procura, cheios de aflição". Respondeu-lhes ele: "Por que me procuráveis? Não sabíeis que devo ocupar-me das coisas de meu Pai?" Eles, porém, não compreenderam o que ele lhes dissera. Em seguida, desceu com eles a Nazaré e lhes era submisso. Sua mãe guardava todas estas coisas no seu coração.

Comentário: A reação de Maria, depois de procurar tanto o Menino, é muito compreensível. Além da preocupação materna, porém, suas palavras manifestam outra inquietação, a de quem procura compreender as mensagens de Deus nos acontecimentos. Nós também muitas vezes ficamos sem compreender o que Deus espera de nós. Só nos resta deixar-nos levar dóceis pelos caminhos de seu amor.

Oração: Senhor, nem sempre compreendo logo o que esperais de mim, e parecem-me complicados demais os caminhos que ides traçando. Confio em vós, e sei que mais tarde muita coisa ficará mais clara para mim. Afinal, vós tendes o controle de tudo, e cuidais que livremente vamos tomando os rumos previstos por vós. Levai-me como quiserdes; basta-me saber quanto me amais. Amém.

Nenhum comentário: