Palavra de Deus. Graça e luz em sua vida!

“Anunciar o Evangelho não é glória para mim; é uma obrigação que se me impõe. Ai de mim, se eu não anunciar o Evangelho!” [1Corintios 9 ,16] "Curta" a Página Deus em Minha Casa! https://www.facebook.com/DeusEmMinhaCasa

Feliz o servo quer o Senhor encontrar vigilante

Domingo
11 de Agosto de 2013

Evangelho: (Lc 12,32-48)

"Não temais, pequeno rebanho, porque foi do agrado de vosso Pai dar-vos o Reino. Vendei o que possuís e dai esmolas; fazei para vós bolsas que não se gastam, um tesouro inesgotável nos céus, aonde não chega o ladrão e a traça não o destrói. Pois onde estiver o vosso tesouro, ali estará também o vosso coração".

"Estejam cingidos os vossos rins e acesas as vossas lâmpadas. Sede semelhantes a homens que esperam o seu senhor, ao voltar de uma festa, para que, quando vier e bater à porta, logo lha abram. Bem-aventurados os servos a quem o senhor achar vigiando, quando vier! Em verdade vos digo: ele há de cingir-se, dar-lhes à mesa e os servirá. Se vier na segunda ou se vier na terceira vigília e os achar vigilantes, felizes daqueles servos! Sabei, porém, isto: se o senhor soubesse a que hora viria o ladrão, vigiaria sem dúvida e não deixaria forçar a sua casa. Estai, pois, preparados, porque, à hora em que não pensais, virá o Filho do Homem".

Disse-lhe Pedro: "Senhor, propões esta parábola só a nós ou também a todos?" O Senhor replicou: "Qual é o administrador sábio e fiel que o senhor estabelecerá sobre os seus operários para lhes dar a seu tempo a sua medida de trigo? Feliz daquele servo que o senhor achar procedendo assim, quando vier! Em verdade vos digo: lhe confiará todos os seus bens. Mas, se o tal administrador imaginar consigo: Meu senhor tardará a vir, e começar a espancar os servos e as servas, a comer, a beber e a embriagar-se, o senhor daquele servo virá no dia em que não o esperar e na hora em que ele não pensar, e o despedirá e o mandará ao destino dos infiéis. O servo que, apesar de conhecer a vontade de seu senhor, nada preparou e lhe desobedeceu será açoitado com numerosos golpes. Mas aquele que, ignorando a vontade de seu senhor, fizer coisas repreensíveis será açoitado com poucos golpes. Porque, a quem muito se deu, muito se exigirá. Quanto mais se confiar a alguém, dele mais se há de exigir".

Comentário: Jesus nos aconselha a ter apenas o necessário para viver, sem acumular riquezas. Quando damos de comer e de beber, visitamos doentes e presos, na verdade é a Deus que o fazemos. Por isso, nossa ajuda deve ser gratuita, anônima.

Oração: Senhor Jesus, dissestes que sois o bom pastor, pronto a dar até a vida por nós. Isso nos enche de confiança, ainda que sejamos poucos e de poucas forças. Sabemos que estais sempre conosco, participando de nossa vida, de nossas esperanças e de nossos anseios. Vós nos guiais pelos vossos caminhos, sois nossa proteção nos perigos, dais apoio aos nossos esforços. Por isso não precisamos ter medo. Fazei-nos atentos e vigilantes, prontos a agir no momento e na maneira certa. Ensinai-nos a usar dos meios humanos, da técnica e da ciência, mas sem confiar demais na sua eficiência. Que saibamos trabalhar por um mundo melhor e mais humano, sem esquecer, porém, que não temos aqui morada definitiva. Amém.

Nenhum comentário: