Palavra de Deus. Graça e luz em sua vida!

“Anunciar o Evangelho não é glória para mim; é uma obrigação que se me impõe. Ai de mim, se eu não anunciar o Evangelho!” [1Corintios 9 ,16] "Curta" a Página Deus em Minha Casa! https://www.facebook.com/DeusEmMinhaCasa

Jesus alimenta uma multidão

Segunda-Feira
05 de Agosto de 2013

Evangelho: (Mt 14,13-21)

A essa notícia, Jesus partiu dali numa barca para se retirar a um lugar deserto, mas o povo soube e a multidão das cidades o seguiu a pé. Quando desembarcou, vendo Jesus essa numerosa multidão, moveu-se de compaixão para ela e curou seus doentes.

Caía a tarde. Agrupados em volta dele, os discípulos disseram-lhe: "Este lugar é deserto e a hora é avançada. Despede esta gente para que vá comprar víveres na aldeia". Jesus, porém, respondeu: "Não é necessário: dai-lhe vós mesmos de comer". - "Mas" - disseram eles - "nós não temos aqui mais que cinco pães e dois peixes". - "Trazei-os" - disse-lhes ele. Mandou, então, a multidão assentar-se na relva, tomou os cinco pães e os dois peixes e, elevando os olhos ao céu, abençoou-os. Partindo em seguida os pães, deu-os aos seus discípulos, que os distribuíram ao povo. Todos comeram e ficaram fartos, e, dos pedaços que sobraram, recolheram doze cestos cheios. Ora, os convivas foram aproximadamente cinco mil homens, sem contar as mulheres e crianças.

Comentário: Uma das coisas mais importantes que nos são apresentadas a partir do sacramento da Eucaristia é a sua dimensão apostólica. A Eucaristia está intimamente ligada ao seguimento de Jesus e ao nosso agir apostólico. Quando os discípulos indagam Jesus sobre a situação da fome do povo, Jesus responde: "Dai-lhes vós mesmos de comer". Em seguida, ele multiplica os pães. Assim, nós vemos a necessidade que existe de todos nós participarmos da missão de Jesus para podermos participar do verdadeiro pão multiplicado que é o sacramento da Eucarística.

Oração: Senhor, sei que devo fazer tudo que está ao meu alcance, sem temerariamente ficar esperando milagres. Mas sei também que podeis e quereis ajudar-me quando não me bastam minhas forças e capacidades. Ajudai-me em minhas necessidades, socorrei-me quando nem eu nem os outros sabemos o que fazer. Reconheço que em tudo dependo de vossa bondade misericordiosa. Amém.

Nenhum comentário: